domingo, agosto 03, 2008

Cuspa!

Choro engolido desce muito mais salgado.
E arde as feridas por onde passa.
O gosto do choro engolido é sempre outro.
Por mais que o tempero seja o mesmo.

Já o choro cuspido é diferente.
Vem lá de dentro, tirando todo o sal.
E te dá tanto nojo que vem numa pigarrela só
Bem na cara da etiqueta.

(sussy)

Choro cuspido vem das entranhas nervosas. E vem em onda, com sabor de maresia.A crista é alta, mas não se arrebenta com toda força que deveria. Faz a crista e... morre sem a graça.O choro engolido vem com uma onda descrescente, e ao contrário, se arrebenta onde nasceu.E fica guardada lá, até o vento chegar instigando a mudar o rumo.

Mesmo doendo, ela teima em se arrebentar. E faz de novo e de novo.Quem vê nunca sabe como nem porquê a onda vem tão grande. Escuta-se o barulho de longe. Mas ninguém imagina o que ela arrastou até chegar lá.Só o mar sabe. Só o mar sente a onda por inteiro.

(mariana, a paiva)

E o mar entra na onda de não ser lenço.
De ser só mar.
Muito mais água e sal que ela, a onda de lágrimas.

(sussy)

4 comentários:

Na toca do coelho disse...

Choro cuspido vem das entranhas nervosas. E vem em onda, com sabor de maresia.
A crista é alta, mas não se arrebenta com toda força que deveria. Faz a crista e... morre sem a graça.
O choro engolido vem com uma onda descrescente, e ao contrário, se arrebenta onde nasceu.
E fica guardada lá, até o vento chegar instigando a mudar o rumo.

Na toca do coelho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Na toca do coelho disse...

Mesmo doendo, ela teima em se arrebentar. E faz de novo e de novo.
Quem vê nunca sabe como nem porquê a onda vem tão grande. Escuta-se o barulho de longe. Mas ninguém imagina o que ela arrastou até chegar lá.
Só o mar sabe. Só o mar sente a onda por inteiro.

Sussy Michelly disse...

Um comentário?
Uma postagem sem comentários!